sexta-feira, 4 de setembro de 2009

Justiça condena ex-dirigentes do PMDB a ressarcir verba do fundo partidário

da Folha Online

A Justiça Federal condenou três ex-dirigentes do PMDB do Acre a devolver R$ 39,2 mil do fundo partidário que, segundo a decisão, foi usado irregularmente. O valor deverá ser corrigido monetariamente até a data do pagamento.


Foram condenados os ex-dirigentes Nabor Teles da Rocha Júnior e João Correia Lima Sobrinho, além de Armando Dantas do Nascimento, atual tesoureiro do partido. A reportagem não localizou nenhum dos três.


O fundo partidário é constituído por verbas públicas e destinado a subsidiar atividades partidárias.


Na decisão, a Justiça entendeu que não houve comprovação da aplicação correta das verbas e que a prestação de contas indicava diversas despesas, como a contratação de serviços de terceiros, pagamentos diversos e distribuição a diretórios municipais, entre outras.

Enviar para o Twitter

0 comentários: