domingo, 28 de março de 2010

Floresta Digital: CPF volta à cena


Neste sábado 27, o CPF (Cadastro de Pessoa Física) voltou a ser uma exigência para acesso ao ‘Floresta Digital’ – programa do Governo do Acre que propõe disponibilizar, gratuitamente, internet banda larga.


Antes desta data o acesso estava livre. Ao menos por aqui estava.


Falta à equipe de Governo atentar que: a exigência do CPF como login de acesso expõe a sociedade à riscos desnecessários.


Acho óbvio e defendo que deva existir um cadastro de controle de acesso. No entanto, tal ingresso deveria assemelhar-se aos dos provedores como: ContiNet, Brasil Telecom (Oi), Embratel, Claro, Uol, Globo.com e outros – nestes, os login’s e senhas não são os documentos pessoais do usuário.


O uso indiscriminado do CPF na Web expõe os cidadãos aos riscos de roubos bancários e ainda fragiliza o direito constitucional de inviolabilidade da vida privada.
.
Leia também:
Evoluindo, tenho acompanhado passo a passo o Floresta Digital
A contradição de Binho, sob o Floresta Digital
Espertos como chineses, informe seu CPF para ser monitorado
Minha vida já mudou
Internet grátis , 100% de cobertura daqui a cinco dias
Internet gratuita para os acrianos

Enviar para o Twitter

0 comentários: