quinta-feira, 15 de abril de 2010

Com tristeza

Relato sobre a censura petista


É lamentável que os jornalistas acrianos, em sua maioria, aceitem - passivamente - o controle econômico imposto pelo Governo do Acre aos veículos de comunicação do Estado.

Já passa da hora de os jornalistas criarem uma instituição que lute pela liberdade profissional da categoria. É claro, que tal luta passaria por denunciar alguns 'ditos jornalistas' que se comportam como prostitutas.

Denunciar o comportamento de determinados proprietários de veículos de comunicação que obrigam jornalistas a sonegarem informações para a sociedade acriana.

Foi com tristeza, que hoje fiz mais uma leitura sobre o assunto. A leitura do texto produzido por Clélio Rabelo no blog Archibaldo Antunes.


Leia também:

Binho tem culpa da baixa qualidade do jornalismo acriano


Enviar para o Twitter

2 comentários:

Anônimo disse...

Meu caro Edmilson, os jornalistas não estão muito preocupados com isso. O que importa é o dinheiro no bolso.

O Acre é triste mesmo.

Anônimo disse...

prostitutas não têm jeito, sem concerto.