quinta-feira, 6 de maio de 2010

Mesmo com processo na Justiça, Petecão diz sim à Ficha Limpa


Mesmo sob o risco de tornar-se inelegível por responder processo judicial, o deputado federal Sérgio Petecão (PMN-AC) votou favorável ao texto base do ‘Ficha Limpa’.

Flaviano Melo (PMDB-AC), que também responde processo na Justiça, não compareceu a sessão extraordinária que votou o texto base. Flaviano compareceu apenas a sessão que adiou a votação das emendas. Nesta votação foram rejeitadas alterações que prejudicariam o 'Ficha Limpa' e neste caso o pmdebista acriano apoiou o projeto popular, aprovado na madrugada de quarta-feira, 5.
.
Gladson Cameli (PP) e Perpétua Almeida (PCdoB) faltaram em ambas as sessões.

Um único deputado brasileiro votou contra o projeto de iniciativa popular. Ainda assim, Marcelo Melo (PMDB-GO) alega engano e afirma que vai solicitar a “imediata correção”. Isso é uma prova de que quando a sociedade resolve participar e cumprir o dever cidadão, não resta alternativa aos mandatários – eles têm que obedecer aos anseios sociais.


Mas, ainda é necessário vigilância, manobras para anular os efeitos da Ficha Limpa são planejadas principalmente pelo PMDB, que quer os casos de condenação por abuso de poder econômico ou político não tenha validade. As manobras serão votadas na terça-feira, 11.
.
"É hora de ficarmos atentos. Devemos observar se os nossos oito deputados federais votarão contra ou a favor do povo. Ou ainda se usarão da ‘esperteza’, ‘da malandragem’, de faltarem à votação", escrevi a cerca de 13 horas, antes da aprovação do texto base do Ficha Limpa.
Votaram favoráveis ao povo: .
Flaviano Melo - PMDB
Fernando Melo - PT;
Henrique Afonso - PV;
Ilderlei Cordeiro - PPS;
Nilson Mourão - PT;
Sergio Petecão - PMN.
.
Deixaram de votar:
Flaviano Melo (PMDB)
Gladson Cameli (PP);
Perpétua Almeida (PCdoB).
Atualizado às 12:34
.
.
Leia também:

Foto: Ac24horas

Enviar para o Twitter

0 comentários: