quinta-feira, 9 de abril de 2009

"Ser senador vale a pena", diz Cristovam Buarque


Cristovam Buarque, senador que tem por sonho o objetivo de transformar o Brasil através da educação, é uma rara, e boa, exceção no cenário político brasileiro. Ele acredita, e trabalha, para que o País se liberte das amarras que escraviza o brasileiro, a ignorância e o semi-analfabetismo.

Em discurso na última quarta-feira, o senador Cristovam Buarque (PDT de Brasília) enumerou seus principais projetos - alguns já transformados em lei - e chegou à seguinte conclusão: "Ser senador vale a pena". Não fosse sua atividade legislativa, Cristovam não teria como fazer com que suas bandeiras e seus sonhos pudessem ser transformados em realidade.

Três dos projetos de Cristovam já viraram lei. São as "Leis Buarque". Por uma delas, a que cria o piso salarial do magistério, Cristovam ganhará, no dia 26 de maio, o Prêmio Mérito Legislativo - 2008, do Instituto Brasileiro de Estudos Legislativos. "Se eu não tivesse feito mais nada, nesse período em que aqui estive, eu já estaria satisfeito", disse Cristovam.

Outro projeto de Cristovam transformado em lei é o que diz que toda criança tem direito de estudar na escola mais próxima da sua casa. "Pena que ainda não esteja em pleno exercício a lei, que já está em vigor, porque falta os pais se convencerem e levarem os filhos", comentou. A terceira lei é que a cria o Dia Nacional da Leitura. "Os três estão na minha parede com a assinatura do presidente ao sancionar", orgulha-se o senador.

Enviar para o Twitter

1 comentários:

guillermodavoli disse...

Don Cristovao, con todo respeto, no quiere venir a la Argentina ? aunque sea por un ratito... nos hace tanta falta gente como usted !