sexta-feira, 24 de abril de 2009

Consumidor com contas atrasadas

Nayara Lessa

A liquidez do mercado de consumo assegura ao empreendedor do comércio a confiança quanto ao alcance dos resultados esperados. No entanto, dados apontam que 56% dos consumidores acreanos têm dívidas em atraso.

Da população com atrasos no pagamento de dívidas, 74% são responsáveis por inadimplências de até 30 dias. Destes, 49% tem dívidas com atrasos de até 15 dias e 25%, com atrasos de 15 a 30 dias.

Implicantes para inadimplência do consumidor acreano

Quanto às circunstâncias para falta de pagamentos por parte do consumidor acreano, 22% dos entrevistados dizem dever-se ao fato de conviver com renda inferior àquela auferida à época em que contraiu a obrigação e 33% justificam a atual situação de desempregado. O maior nível de contas em atraso (39%), está sob a responsabilidade de consumidor que diz não exercer qualquer controle sobre seus gastos.

Conforme a pesquisa, 84% dos consumidores do Acre respondem por dívidas contraídas nos últimos 12 meses. Desses, 57% são do sexo feminino e 43% do sexo masculino. Das modalidades de dívidas levantadas, 40% dos entrevistados dizem ser oriundas de compras com pagamentos via cartão de crédito e 28%, afirmam resultarem de compras normais, com a utilização dos diversos sistemas de crediários oferecidos pelo comércio local. Os empréstimos formais aparecem na seqüência das demais dívidas levantadas.

Enviar para o Twitter

0 comentários: