quinta-feira, 22 de setembro de 2011

Gladson Cameli votou contra imposto da saúde, mas voto não foi computado pelo Painel Eletrônico da Câmara


A assessoria do deputado federal Gladson Cameli (PP) contatou-nos, nesta quinta-feira (22) para informar que o deputado votou contra a criação do novo imposto da saúde defendido por governadores de Estados e pelo PT. 

O voto de Gladson foi manual e não computado pelo Painel Eletrônico da Câmara, assim, o próprio Portal da Casa Legislativa, na internet, deixa de relacionar o parlamentar na lista dos votantes, porém, de acordo com o Regimento Interno da Casa, o voto de Cameli tem a mesma validade que o eletrônico. 

Ainda de acordo com a assessoria do parlamentar, Gladson teria se atrasado para votação eletrônica por estar em uma audiência na Embaixada da Bolívia, fato que foi amplamente noticiado pela imprensa local.

Enviar para o Twitter

0 comentários: