quarta-feira, 23 de fevereiro de 2011

Tacacá Global adia retorno de hora antiga do Acre


Senador que morou por três meses no Acre pede vistas de parecer e avaliação de Referendo é adiada

O senador do Mato Grosso, Pedro Taques (PDT), que diz ter morado no Acre durante três meses pediu vistas no parecer do senador Sérgio Petecão (PMN) que efetivaria o retorno do hora antiga do Acre nesta quarta-feira, 23, na Comissão de Constituição e Justiça - CCJ - do Senado.

O senador Pedro Taques precisou recorrer a Jorge Viana (PT) para lembrar o local que tomou Tatacá no Acre.

O pedido do senador matogrossense foi uma das manobras que tenta inviabilizar o retorno da hora do Acre, e, assim, beneficiar a Rede Globo de televisão. "Estamos todos discutindo aqui o tempo. Todos sabemos o que é o tempo, mas poucos sabem defini-lo. Um filósofo católico definiu o tempo, Sr. Presidente, como o espaço compreendido entre dois instantes. O tempo faz a comida apodrecer, faz a mulher ficar mais bonita, faz o homem ficar maduro. Eu preciso de tempo para analisar isto aqui", pronunciou Taques.

Enviar para o Twitter

0 comentários: