sábado, 11 de agosto de 2012

Deputado Major Rocha se defende de ironias de Padre adepto do 'vianismo'

 Do ac24horas:

O deputado estadual Major Rocha (PSDB), publicou na tarde deste sábado, 11, em sua página no Facebbok, um texto rebatendo o posicionamento do padre Mássimo Lombardi, da igreja Católica.

Em uma postagem no Twitter, o religioso defendeu o governador Sebastião Viana (PT), que teria sido chamado de “mariquinha” por Rocha, em nome de todos os acrianos. Lombardi recomendou que o parlamentar tucano lesse a bíblia.

Em resposta, Rocha diz que não recebeu o mesmo apoio do padre, quando foi agredido verbalmente pelo governador e seus assessores que o teriam taxado de “ladrão, estuprador, torturador pedófilo”.


Abaixo, a íntegra da postagem do líder tucano:

Padre Mássimo, respeito a sua preferência política assim como sua opinião pessoal, mais também quero deixar registrada a minha.

Acho que como lider religioso o senhor deveria agir com imparcialidade, digo isso posto que não faz muito tempo o Governador Tião Viana, durante alguns eventos públicos e na presença de muita gente, se dirigiu a minha pessoa com palavras de baixíssimo calão.

Entre outros adjetivos fui tratado pelo mesmo como “ladrão, estuprador, torturador pedófilo e muito mais. Tais fatos também foram amplamente divulgados pela imprensa e não recordo de ter visto uma manifestação sua. Ou o senhor acha que o governador tem o direito de denegrir a honra e a imagem dos outros?
Não me recordo de ver o senhor se manifestar contra o aborto, uma das bandeiras públicas do PT.

Já disse que respeito a sua opinião, mais não posso deixar de lhe indagar sobre suas dúvidas quanto ao meu habito de ler a bíblia. Como o senhor, sem me conhecer, pode julgar que eu não leio a bíblia? Considerando o seu julgamento eu também me permito perguntar ao senhor: O senhor pratica os ensinamentos contidos na bíblia?

Quando o falo de imparcialidade gostaria de acrescentar uma outra palavra, gostaria de fazer menção a palavra justiça e ai, me permita a ousadia de lhe fazer outra pergunta: O Senhor, mesmo sem conhecer os fatos, pautado somente pela imprensa, que é claramente tendenciosa em favor de quem destina gordas parcelas de recursos públicos, acha correto condenar alguém sem lhe dar o direito de defesa?

É assim que o senhor age enquanto lider espiritual? Se for assim eu quero deixar registrado que não entendo essa sua concepção de justiça, ou será que não estamos falando da mesma coisa?

O senhor, como cristão, não acha que deveria observar mais os exemplos de Cristo, que era filho de Deus e mesmo assim habitou entre os homens e morreu para nos salvar, num exemplo de amor e humildade sem tamanho.

O senhor, que na sua ¨humildade¨ se da ao direito de falar em nome de todos os acreanos, mesmo sem ter consultado aqueles que não concordam com a sua postura, não acha que deveria ser um pouco mais humilde?

Vou continuar mantendo o meu respeito e a minha admiração pelo trabalho da Igreja Católica, pelo senhor e por todos os católicos mais gostaria também de deixar um texto da bíblia para a sua reflexão:
Ezequiel Capítulo : 34

1 Veio a mim a palavra do Senhor, dizendo:

2 Filho do homem, profetiza contra os pastores de Israel; profetiza, e dize aos pastores: Assim diz o Senhor Deus: Ai dos pastores de Israel que se apascentam a si mesmos! Não devem os pastores apascentar as ovelhas?

3 Comeis a gordura, e vos vestis da lã; matais o cevado; mas não apascentais as ovelhas.
4 A fraca não fortalecestes, a doente não curastes, a quebrada não ligastes, a desgarrada não tornastes a trazer, e a perdida não buscastes; mas dominais sobre elas com rigor e dureza.

5 Assim se espalharam, por não haver pastor; e tornaram-se pasto a todas as feras do campo, porquanto se espalharam.

6 As minhas ovelhas andaram desgarradas por todos os montes, e por todo alto outeiro; sim, as minhas ovelhas andaram espalhadas por toda a face da terra, sem haver quem as procurasse, ou as buscasse.
7 Portanto, ó pastores, ouvi a palavra do Senhor:

8 Vivo eu, diz o Senhor Deus, que porquanto as minhas ovelhas foram entregues à rapina, e as minhas ovelhas vieram a servir de pasto a todas as feras do campo, por falta de pastor, e os meus pastores não procuraram as minhas ovelhas, pois se apascentaram a si mesmos, e não apascentaram as minhas ovelhas;

9 portanto, ó pastores, ouvi a palavra do Senhor:

10 Assim diz o Senhor Deus: Eis que eu estou contra os pastores; das suas mãos requererei as minhas ovelhas, e farei que eles deixem de apascentar as ovelhas, de sorte que não se apascentarão mais a si mesmos. Livrarei as minhas ovelhas da sua boca, para que não lhes sirvam mais de pasto.

11 Porque assim diz o Senhor Deus: Eis que eu, eu mesmo, procurarei as minhas ovelhas, e as buscarei.

12 Como o pastor busca o seu rebanho, no dia em que está no meio das suas ovelhas dispersas, assim buscarei as minhas ovelhas. Livrá-las-ei de todos os lugares por onde foram espalhadas, no dia de nuvens e de escuridão.

13 Sim, tirá-las-ei para fora dos povos, e as congregarei dos países, e as introduzirei na sua terra, e as apascentarei sobre os montes de Israel, junto às correntes d’água, e em todos os lugares habitados da terra.

14 Em bons pastos as apascentarei, e nos altos montes de Israel será o seu curral; deitar-se-ão ali num bom curral, e pastarão em pastos gordos nos montes de Israel.

15 Eu mesmo apascentarei as minhas ovelhas, e eu as farei repousar, diz o Senhor Deus.

16 A perdida buscarei, e a desgarrada tornarei a trazer; a quebrada ligarei, e a enferma fortalecerei; e a gorda e a forte vigiarei. Apascentá-las-ei com justiça.

17 Quanto a vós, ó ovelhas minhas, assim diz o Senhor Deus: Eis que eu julgarei entre ovelhas e ovelhas, entre carneiros e bodes.

18 Acaso não vos basta fartar-vos do bom pasto, senão que pisais o resto de vossos pastos aos vossos pés? e beber as águas limpas, senão que sujais o resto com os vossos pés?

19 E as minhas ovelhas hão de comer o que haveis pisado, e beber o que haveis sujado com os vossos pés.

20 Por isso o Senhor Deus assim lhes diz: Eis que eu, eu mesmo, julgarei entre a ovelha gorda e a ovelha magra.

21 Porquanto com o lado e com o ombro dais empurrões, e com as vossas pontas escorneais todas as fracas, até que as espalhais para fora,

22 portanto salvarei as minhas ovelhas, e não servirão mais de presa; e julgarei entre ovelhas e ovelhas.

23 E suscitarei sobre elas um só pastor para as apascentar, o meu servo Davi. Ele as apascentará, e lhes servirá de pastor.

24 E eu, o Senhor, serei o seu Deus, e o meu servo Davi será príncipe no meio delas; eu, o Senhor, o disse.

25 Farei com elas um pacto de paz; e removerei da terra os animais ruins, de sorte que elas habitarão em segurança no deserto, e dormirão nos bosques.

26 E delas e dos lugares ao redor do meu outeiro farei uma bênção; e farei descer a chuva a seu tempo; chuvas de bênçãos serão.

27 E as árvores do campo darão o seu fruto, e a terra dará a sua novidade, e estarão seguras na sua terra; saberão que eu sou o Senhor, quando eu quebrar os canzis do seu jugo e as livrar da mão dos que se serviam delas.

28 Pois não servirão mais de presa aos gentios, nem as devorarão mais os animais da terra; mas habitarão seguramente, e ninguém haverá que as espante.

29 Também lhes levantarei uma plantação de renome, e nunca mais serão consumidas pela fome na terra, nem mais levarão sobre si o opróbrio das nações.
30 Saberão, porém, que eu, o Senhor seu Deus, estou com elas, e que elas são o meu povo, a casa de Israel, diz o Senhor Deus.

31 Vós, ovelhas minhas, ovelhas do meu pasto, sois homens, e eu sou o vosso Deus, diz o Senhor Deus.
Tenha um final de semana abençoado e fique com Deus.
Wherles Rocha

Enviar para o Twitter

0 comentários: