sexta-feira, 27 de julho de 2012

Anvisa decide por volta de auto-serviço na venda de medicamentos sem prescrição médica

A Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) decidiu nesta quinta-feira (26) por revogar a proibição do auto-serviço na venda de medicamentos livre de prescrição médica. Com a medida, esses remédios podem ficar ao alcance do consumidor nas drogarias e farmácias de todo o país.

No Acre, mesmo antes de 2009 - ano no qual passou a vigorar a proibição - a prática de dispor medicamentos ao alcance do consumidor, ou seja, do lado de fora do balcão da drogaria, sempre foi muito tímida.

Com a proibição, a Anvisa esperava combater a automedicação, contudo, a medida teve efeito contrário ao esperando.  Para o diretor-presidente agência, Dirceu Barbano, “o consumidor ficou alijado de qualquer possibilidade de escolha”, pois, os remédios passaram a ser indicados pelos balconistas de drogarias e farmácias.

A revisão foi motivada por estudo de um grupo de trabalho da Anvisa que demonstrou que a proibição imposta pela legislação não contribuiu para reduzir o número de intoxicações medicamentosas no país.

Enviar para o Twitter

0 comentários: