sexta-feira, 16 de setembro de 2011

Florindo Poersch confiante no fim de gratuidade nos ônibus para portadores de hepatite

O advogado presidente da Ordem dos Advogados do Brasil (OAB/AC), Florindo Poersch, em entrevista ontem ao jornalista Alan Rick,  mostrou-se confiante no fim da lei municipal que garante gratuidade nos ônibus da capital, Rio Branco, para cidadãos portadores de hepatites.

Poersch foi contratado para defender as empresas do sistema de transporte coletivo e impetrou  mandado de segurança na 1º Vara da Fazenda Pública pedido a suspensão imediata da gratuidade. Apesar do pedido de liminar suspendendo imediatamente a gratuidade ter sido negado pela juíza Regina Ferrari Longuini, que pronunciou-se “não acreditar que o benefício cause transtornos às empresas”, Florindo acredita que vai ganhar a causa em razão de a lei municipal não apresentar fonte de verbas para financiar os custos das passagens.

Enviar para o Twitter

0 comentários: