segunda-feira, 14 de junho de 2010

Sem controle

Pesquisa constata venda de antibiótico sem receita médica. Levantamento em 104 farmácias de 11 cidades brasileiras mostra que todos os estabelecimentos praticam irregularidade

Pesquisa inédita comprovou a facilidade de comprar antibióticos sem receita. Em todas as 104 farmácias de 10 Estados consultadas pelo estudo, obtido com exclusividade pelo Estado, foi possível obter os medicamentos. O levantamento foi feito pelo Instituto Brasileiro de Defesa do Consumidor (Idec), em parceria com oito entidades.
.
A pesquisa contou com o apoio do Fundo de Direitos Difusos e do Fórum Nacional de Entidades Civis de Defesa do Consumidor.
.
As 104 drogarias visitadas pelo Idec pertencem a 76 empresas - entre elas, Droga Raia, Drogaria Onofre, Carrefour, Drogão, Drogaria São Paulo e Farmácia Preço Popular. No Brasil, os antibióticos são classificados como tarja vermelha, grupo que compreende os medicamentos que só devem ser vendidos mediante a apresentação de prescrição médica - por essa razão, eles não são encontrados nos balcões das drogarias.

Enviar para o Twitter

0 comentários: