domingo, 28 de março de 2010

Sem opção, oposições lançam Petecão ao Senado


Há anos sem conseguir construir uma proposta consiste ou plataforma clara de governo, partidos de oposição à Gestão do PT decidiram, neste sábado 27, pela candidatura do deputado federal Sérgio Peteção (PMN) ao Senado.


Peteção era aliado dos petistas e presidia a Assembleia Legislativa do Acre – Aleac. Nas eleições deste ano, deve concorrer diretamente como atual presidente da Aleac, Edvaldo Magalhães (PCdoB) – uma vez que é unânime acreditar que uma das vagas pertenceria ao ex-governador Jorge Viana (PT).


No páreo com Edvaldo, Petecão tem mais chances de sair vitorioso. A sociedade acriana inclina-se a escolher para o Senado Federal um governista e um oposicionista – equilíbrio necessário para manter os parcos pilares da democracia.


Sérgio Petecão tem a “fama de ser popular e carismático”. Já Magalhães – sem carisma, nem popularidade – vai na “carona” de Viana – o mais popular dos governadores acrianos.

A semelhança entre Petecão e Edvaldo é que não se sabe exatamente o que ambos fazem em benefício da sociedade acriana. O palaque eleitoral será uma oportunidade para que eles prestem contas de seus mandatos.

Foto extraída do blog do Lenildo Rosas

Enviar para o Twitter

0 comentários: