segunda-feira, 30 de novembro de 2009

Torcida gremista quer Flamengo campeão


Depois de golear o Barueri por 4 a 2 pelo Campeonato Brasileiro e fechar de maneira invicta sua participação no Estádio Olímpico, o Grêmio viveu uma situação inusitada.


Em vez de comemorar a vitória deste domingo, grande parte das arquibancadas gremistas entoou o coro "Entrega! Entrega!" enquanto os jogadores seguiam aos vestiários.


O pedido é para a última partida do campeonato, que será contra o Flamengo, no Maracanã. Caso os gaúchos sejam derrotados, o troféu nacional fica com os rubro-negros, eliminando assim qualquer chance de conquista do Internacional, principal rival do Tricolor Gaúcho.



"A gente sabe que aqui existe essa rivalidade. Nenhum jogador quer ficar marcado por ajudar um grande rival. Se vier a ordem para que a gente jogue, a gente vai jogar, se não vier, paciência", falou o meia Souza à Rádio Gaúcha em meio a sorrisos.



Sobre a questão levantada pelo ex-são-paulino, Duda Kroeff, presidente do Grêmio, confirmou que o time poderá ser diferente na próxima partida, mas que os jogadores honrarão a camisa do clube.


"Nós vamos ver ao longo da semana quem pode jogar e quem não pode, alguns pediram férias e vamos dar. É uma partida que não vale nada para nós e vamos descompromissados, mas jamais vou pedir para os jogadores entregarem o jogo", falou o mandachuva tricolor em coletiva.



Com 55 pontos somados, o Grêmio chegou à sétima colocação do Brasileirão e já não almeja nada para a última rodada da competição. O Internacional terá pela frente o desesperado Santo André e, além de vencer sua partida, torce pelo menos por um empate entre seu maior rival e o líder Flamengo.

Enviar para o Twitter

0 comentários: