quinta-feira, 19 de novembro de 2009

Mãos ao alto


Câmara aprova projeto que obriga pedestre a sinalizar com o braço antes de atravessar a faixa. Proposta seguirá para o Senado.



A Comissão de Constituição e Justiça e de Cidadania (CCJ) aprovou hoje o Projeto de Lei 7233/06, da deputada Perpétua Almeida (PCdoB-AC), que obriga os pedestres a sinalizar com o braço antes de atravessar em faixas de pedestre nos locais onde não haja semáforo ou agente de trânsito.



A proposta, que altera o Código de Trânsito Brasileiro (Lei 9.503/97), também determina a formação de um grupo maior de pessoas para que o pedestre solicite a parada dos veículos. O objetivo é evitar engarrafamentos.A comissão analisou o projeto apenas quanto aos aspectos constitucionais, jurídicos e de técnica legislativa.



O texto, que também havia sido aprovado pela Comissão de Viação e Transportes, seguirá agora para o Senado, a menos que haja recurso para análise do Plenário.O relator na CCJ, deputado Pastor Manoel Ferreira (PR-RJ), recomendou a aprovação da proposta, com emendas de redação que não alteram seu conteúdo.


O gesto com o braço surgiu em Brasília no fim dos anos 90, em uma campanha para estimular motoristas a parar nas faixas de pedestre. Com a proposta, Perpétua Almeida espera disseminar pelo País a travessia, com segurança, na faixa de pedestre, medida já preconizada no Código de Trânsito. Para tanto, ela considera necessário normatizar o gesto de acenar.




Íntegra da proposta:- PL-7233/2006




Agência Câmara
Reportagem - Noéli NobreEdição - Pierre Triboli

Enviar para o Twitter

0 comentários: