terça-feira, 29 de setembro de 2009

Polêmica em blog envolvendo bar ridiculariza o 'Acre'


'Acre, Faixa de Gaza e o Boteco São Bento são os piores lugares do mundo para você ir com os amigos', afirmam os jornalistas blogueiros.


Guilherme Pavarin, de INFO Online

SÃO PAULO – Na internet, uma resenha negativa sobre um bar da Vila Madalena, em São Paulo, virou um caso para advogados.

A polêmica começou com um post intitulado de “Boteco São Bento (o pior bar do sistema solar)”, do blog Resenha em 6, mantido em clima de brincadeira por três jornalistas que se propõem a analisar “filmes, CDs, livros, shows, botecos, restaurantes e programas de TV: sem enrolação e em seis linhas ou menos”.

“Depois da Faixa de Gaza e do Acre, este é o pior lugar do mundo para você ir com os amigos. Caro, petiscos sem graça e, principalmente, garçons ultra-power-mega chatos: você toma dois dedos do seu chopp, quente e azedo que nem x* * * nos tempos dos vikings, eles já colocam outro na mesa. E se você recusa, eles ainda ficam putos. Só tulipadas diárias no rabo para justificar tamanha simpatia no atendimento”.

Três dias depois, a análise começou a repercutir na rede por meio de um comentário enviado por Jonas Steinmayer, que se identifica como membro da administração do Boteco São Bento.

“Como um bar com a dimensão do São Bento pode ser diminuído dessa forma? Estamos tomando as devidas providências em relação a esse blog”, escreveu, ao encerrar a mensagem.

A partir desta mensagem, os comentários e acessos ao site cresceram de maneira repentina. Em vez das 450 visitas diárias, o Resenha em 6 teve um pico de oito mil acessos num mesmo dia e coleciona 629 comentários até o momento.


Nos dias seguintes, o post foi espalhado como fogo em álcool no Twitter. Hoje, no Google, ao digitar a palavra “Boteco São Bento”, a resenha negativa está na primeira página, na terceira posição, logo abaixo do site oficial.


Dada a repercussão negativa, a cúpula do bar decidiu reagir, enviando uma notificação extra-judicial para os donos do blog via e-mail. O advogado do Boteco São Bento, Carlos Augusto Pinto Dias, diz que se trata de um pedido formal para que os comentários com falsidade ideológica – que se passam por administradores e patrocinadores – sejam retirados do ar.

“Não questionamos a liberdade de expressão dos autores do blog. Eles têm todo o direito de opinar, ainda que com expressões de baixo calão. Queremos apenas que os comentários com falsidade ideológica, como as pessoas que estão se passando por administrador ,sejam removidos. Este Jonas não pertence ao São Bento”, expôs.


Para o advogado, tudo está caminhando para um acordo amigável entre ambas as partes. Caso isso não ocorra, ele prevê que sejam tomadas “as medidas judiciais cabíveis”, que envolveria o acionamento das partes que detêm os dados dos endereços dos autores dos comentários – o Google, dono do Blogspot.


Procurados pelo INFO Online, os responsáveis pelo Resenha em 6 dizem que estão negociando com o advogado do Boteco São Bento sobre o que deve ou não permanecer no site.


Disclaimer: Juliano Barreto, editor de internet da revista INFO, é um dos membros do blog Resenha em 6.

Enviar para o Twitter

0 comentários: